RSS

Proseando com Douglas

22 out

Estávamos em uma praça de alimentação na faculdade quando, subitamente, pensei em Nietzsche e nos que dizem que cometeu suicídio. Perguntei ao Douglas qual seria a razão, o motivo pelo qual ele achava ser a causa daquele ato (Se, de fato, ele suicidou-se). Enquanto ele pensava, eu mesmo me encarreguei de responder citando várias teorias de Nietzsche, seu ceticismo e sua teologia metafísica baseados na rejeição da fé-segurança e por conseqüência dessa auto-afirmação e da não imposição de dogmas sua forma de morrer atraia o suicídio ou vice e versa. No entanto, a resposta de Douglas foi muito mais inteligente e satisfatória: “Sei lá, acho que foi por causa de alguma mulher”

Anúncios
 
1 comentário

Publicado por em outubro 22, 2009 em Quartos

 

Tags: , ,

Uma resposta para “Proseando com Douglas

  1. Daisy

    outubro 23, 2009 at 14:35

    O seu amigo pode estar muito perto da verdade. Nietzsche já foi uma febre para mim. Eu conseguia concordar com ele em tudo hehe. Hoje é apenas mais um filósofo. Acho legal o tal do Henri Levinspuhl, que era discípulo dele, virar seu antagonista, convertendo-se ao cristianismo e escrever O antianticristo, derrubando os argumentos do filósofo e seus aforismos, um a um. Mas não tenho este livro. Um colega da faculdade ficou de mandar, mas não consegui baixar. Será que vc consegue, aí pode mandar pra mim, tá?
    Um beijo.

     

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: